Thursday, April 27, 2006

Fazer dos outros tontos

É precisamente isso que neste momento os deputados querem fazer de todos nós. No fim desta coisa ainda vão exigir que se lhes agradeça pessoalmente o facto de terem faltado um dia antes de começarem as férias de páscoa. A única coisa a concluir é que os actuais representantes políticos não têm o mais pequeno sinal de dignidade de estado, além de não saberem o que a palavra ética quer dizer.

Quem perde o respeito do seu povo perde a capacidade para liderar. É a diferença entre ser líder institucional (ou seja, cujo poder deriva de ocupar uma posição hierárquica) e ser um verdadeiro líder (porque consegue que outros o sigam). Infelizmente há algo que me diz que explicar os “finer points” da liderança aos actuais deputados é um desperdício de tempo.